sábado, dezembro 08, 2007


Como o sol que surge ao amanhecer, voltei....dele bebi a força com que rompe a noite, o brilho e o calor que confere ao dia!

"Um leve tremor precede a madrugada

Quando o mar e céu na mesma cor se azulam

E são mais claras as luzes dos barcos pescadores

E para além de insânias e rumores

A nossa vida se vê extasiada "

Sophia M. Breyner

Foto : Mário Galante

76 Comments:

Blogger poetaeusou . . . said...

*
Evadir-me, esquecer-me, regressar
À frescura das coisas vegetais,
Ao verde flutuante dos pinhais
Percorridos de seivas virginais
E ao grande vento límpido do mar.
*
in-Sophia de Mello Breyner
*
marés de jinos
*

12/08/2007 10:32 da tarde  
Blogger Pena said...

Que bela e terna escolha: A adorável Sophia!
A sua sensibilidade poética fascina. O apurado bom gosto e requinte abraça-a no seu lindo Ser.
Um poema e uma figura que é deslumbrante na magia de existir.
Sempre a lê-la atentamente com gigantesca delícia e ternura.
Beijinhos amigos e estima (Muitos!)

pena

12/08/2007 10:45 da tarde  
Blogger avelaneiraflorida said...

Belísssima SOPHIA!!!!

Bjks!!!

12/08/2007 11:39 da tarde  
Blogger Eärwen Tulcakelumë said...

Sempre voltamos, como o Sol e como ele voltamos fortes, cheias de vida!
Linda a foto!

Pérolas incandescentes de carinho amigo.

Eärwen

12/09/2007 1:07 da manhã  
Blogger Bento said...

Muito giro,

12/09/2007 6:57 da manhã  
Blogger Olhos de mel said...

Olá minha amiga! Bem vinda de volta à sua casa! A vida é assim; sempre estamos a temer algo em algum momento. Felizmente, existem os momentos de êxtase pela bela paisagem...
Lindo post!
Boa domingo e uma maravilhosa semana!
Beijos

12/09/2007 12:02 da tarde  
Blogger Menina do Rio said...

E quando o sol rasga o véu da madrugada, a manhã surge extasiada e bebemos à vida que brilha!

12/09/2007 2:51 da tarde  
Blogger Sol da meia noite said...

E que essa força esteja sempre em ti.
Guarda-a.

Beijinhos

12/09/2007 4:24 da tarde  
Blogger Graça Pires said...

"Quando o mar e céu na mesma cor se azulam" apetece ser feliz...
Adoro a poesia da Sophia. Obrigada pela visita ao meu "Ortografia"
Um beijo.

12/09/2007 8:26 da tarde  
Blogger Carminda Pinho said...

Bem vinda!
sobre o poema da Sophia dizer mais o quê? que é lindo? :)

Uma boa semana, amiga!
Beijos

12/10/2007 4:26 da manhã  
Blogger amigona avó e a neta princesa said...

Sempre Sophia!

Beijo, amiga...hoje é dia 10...o Mundo tem que olhar para si...

12/10/2007 10:08 da manhã  
Blogger Paula Raposo said...

Sempre belas as palavras de Sophia!! Um beijo para ti. Obrigada pelo teu carinho.

12/10/2007 10:59 da manhã  
Blogger Belisa said...

Olá

Gostei da sua visita e de suas palavras!
Vim retribuir a visita e achei sua casinha maravilhosa!
Do que li, senti muita ternura e amor e...tudo de bom!
Que as estrelinhas da sorte iluminem a sua vida!
Deixo muitos, muitos beijos estrelados

12/10/2007 12:16 da tarde  
Blogger rui said...

Olá Clarinda

Lindo amanhecer!
A foto dá-nos a visão e as palavras o doce sentir.
Adorei o teu lindo cantinho.

Beijo

12/10/2007 2:44 da tarde  
Blogger kakauzinha said...

Ainda bem que voltaste para podermos ler-te, ler os pensamentos de duas lindas poetisas.

Ah, e a foto da nossa terra, que maravilha! Nunca me canso de mirar a nossa Lisboa de tantas cores, que saudades!

Beijinhos muito azuis e alfacinhas**

12/10/2007 5:01 da tarde  
Blogger Berta Helena said...

Olá Maria Clarinda,

fico feliz por estares de volta. E que venhas com as forças renovadas. Porque as tuas palavras fazem faltas por cá.

Beijinhos.

12/10/2007 5:12 da tarde  
Blogger MIMO-TE said...

Belissima escolha!!


Miminhos em ti:)

12/10/2007 9:06 da tarde  
Blogger Alice Matos said...

Lindo... lindo... Maria Clarinda!
Sophia... um arrebol... e as tuas palavras... de novo...

Obrigada pelas tuas palavras no meu canto...

Um beijo para ti...

12/10/2007 10:55 da tarde  
Blogger Daniel Aladiah said...

Querida Clarinda
festas felizes na companhia de bela poesia!
Um beijo
Daniel

12/10/2007 11:22 da tarde  
Blogger Pitanga said...

Às vezes precisamos estar sozinhas. Nós e nós mesmas.

beijos

12/11/2007 12:56 da manhã  
Blogger Brancamar said...

Ainda bem que voltaste, com a força desse sol que rompe a noite.
Como sempre brilhante a associar os textos a poemas de enlouquecer como é este de Sophia de Mello Breyner Andresen.
Beijinhos

12/11/2007 1:22 da manhã  
Blogger Maria said...

Excelente poema a ilustrar uma fotografia muito bonita...

Beijos

12/11/2007 2:07 da manhã  
Blogger TINTA PERMANENTE said...

As palavras de Sophia e a cor luminosa da imagem...
Grato é o dilema!

abraço.

12/11/2007 3:50 da tarde  
Blogger poetaeusou . . . said...

*
piquei ponto
*

12/11/2007 7:31 da tarde  
Blogger lena said...

belo!

deixei-me ficar neste encanto, onde a poesia se sente e toca

bebi essa força de Sophia de Mello Breyner Andresen e partilho contigo um poema da Poeta que mais leio

Mar sonoro, mar sem fundo , mar sem fim,
A tua beleza aumenta quando estamos sós
E tão fundo intimamente a tua voz
Segue o mais secreto bailar do meu sonho,
Que momentos há em que eu suponho
Seres um milagre criado só para mim.


Sophia de Mello Breyner Andresen


o meu abraço, onde mora a ternura

beijinhos para ti

lena

12/11/2007 9:40 da tarde  
Blogger Gata Verde said...

Espero que venhas bem brilhante porque está muito friiioooooo.

PS:o artista da foto não sou eu,é o meu jove!

Beijinhos

12/11/2007 9:56 da tarde  
Blogger ***Serena*** said...

Muitissimo bem vinda :o)

***

12/11/2007 10:36 da tarde  
Blogger irneh said...

Olá

Bem vinda, Maria!! Obrigada pela tua visita e por nos trazeres Sophia.

Beijinhos

12/12/2007 1:20 da manhã  
Blogger carteiro said...

estas silhuetas que o pôr-do-sol nos proporciona, exercem um grande fascínio em mim...

12/12/2007 3:26 da manhã  
Blogger maresia_mar said...

olá
venho repassar a
CAMPANHA, SOU SEU FÃ!!!

´´´´´´´´´´´¶
´´´´´´´´´´¶¶
´´´´´´´´´¶¶¶
¶¶¶´´´´´¶¶´¶
´¶¶¶¶¶¶¶¶´´¶
´´´¶¶´´´´´´¶¶¶¶¶¶¶¶¶
´´´´´¶¶´Fô¶¶¶¶
´´´´¶¶´´´´´¶¶¶
´´´¶¶´¶¶¶¶´´¶
´´¶¶¶¶¶´´¶¶´¶´
´¶¶´´´´´´´´¶¶¶´

já ganhaste a tua, agora vou
ver se ganho a Minha Também. Passa para os teus AMIGOS,
e ganha mais Estrelinhas também.

12/12/2007 9:42 da manhã  
Blogger Keops said...

Sophia, o amanhecer, esse banco, o rio, a ponte, esta ou outra que nos transporta para qualquer lado, ou nos traz, o sol!
Quem resiste a tanta serenidade?
Bom regresso

12/12/2007 9:44 da manhã  
Blogger Olhos de mel said...

Oie minha doce amiga! Passei pra lhe ver e deixei beijinhos...

12/12/2007 4:00 da tarde  
Blogger Thiago said...

Que bonita foto e que bem casada com este excerto da nossa grande Sophia. que saibas sempre beber esta força!!

12/12/2007 4:03 da tarde  
Blogger Noite said...

A alvorada aconchega o espírito que teme as trevas, mas nem sempre a escuridão da noite é negra, por vezes tem um brilho misterioso que nos aconchega.

12/12/2007 4:45 da tarde  
Blogger Mário Margaride said...

Querida amiga,

Um excelente poema de Sophia!

Um beijinho, e uma excelente semana!

12/12/2007 10:41 da tarde  
Blogger MIMO-TE said...

Deixo-te um miminho meu

12/12/2007 11:09 da tarde  
Blogger Sei que existes said...

É um lindo poema, mas a foto está excelente!!
Beijocas grandes

12/13/2007 12:10 da manhã  
Blogger Teté said...

A Sophia é... a Sophia!!! E a foto está fantástica!

12/13/2007 12:50 da manhã  
Blogger Metamorfose said...

Voltaste e bem!!! Com palavras de Sophia qualquer pessoa começa bem o dia. A foto é fantástica. Beijos grandes e bom fim de semana.

12/13/2007 11:21 da manhã  
Blogger GarçaReal said...

Ainda bem que voltaste...

Tenho sentido a tua falta.

Fica um bjgrande em ti

12/13/2007 5:03 da tarde  
Blogger FERNANDA & SONETOS said...

Olá Maria Clarinda, passei para deixar-te um abraço de carinho e amizade.
Fernandinha

12/14/2007 1:52 da tarde  
Blogger margusta said...

Olá Maria Clarinda!
....Belíssima foto e Belas palavras de Sophia!...Uma combinação perfeita!

Beijinhos para ti!

12/14/2007 3:17 da tarde  
Blogger SILÊNCIO CULPADO said...

Lindo. Sophia de Mello Breyner era única. É bom encontrar quem sinta que os seus versos lhe caem na alma e procure reviver as suas mais belas passagens.

12/14/2007 10:26 da tarde  
Blogger Gata Verde said...

Beijocas quase Natalícias!!!

Já escreveste ao Pai Natal?

12/14/2007 11:17 da tarde  
Blogger kakauzinha said...

Vim deixar-te um beijinho e desejar-te um óptimo fim-de-semana.

****:))))

12/15/2007 4:10 da manhã  
Blogger lua prateada said...

"...dele bebi a força com que rompe a noite".Gostei muito por ter passado no teu cantinho, aqui deixo um beijinho prateado com muito carinho lá da minha lua
SOL

12/15/2007 11:21 da manhã  
Blogger Nilson Barcelli said...

Um belo poema que escolheste de uma grande poetisa.
Bfs, beijinhos.

12/15/2007 4:22 da tarde  
Blogger NETMITO said...

DÓCIL COMO FINA ÁGUA
AO TOQUE DOS MEUS LÁBIOS
BEBER-TE...
É O MEU DESEJO...
AMAR-TE O MEU SONHO...
DESEJO SONHAR-TE...
AO AMAR-TE...

Sorriso:)

12/15/2007 5:06 da tarde  
Blogger Bichodeconta said...

Encantada.. parabéns pelo talento..Um abraço

12/15/2007 7:12 da tarde  
Blogger benechaves said...

Oi, oi: passando aqui pra matar as saudades. Senti sua falta n'o apanhador. Arranje um tempinho e apanhe os seus sonhos. Devem já ter muitos para colher. Espero-te!

Um beijo natalense...

12/16/2007 1:49 da tarde  
Blogger Tchivinguiro: onde nasci. said...

No Natal não peço, mas dou quanto posso.

Feliz Natal e Pacífico 2008.

Beijinho.

12/16/2007 7:48 da tarde  
Blogger Pena said...

É deslumbrante Amiga!
Um lindo, lindo, poema de extasiar da brilhante e pura Alma poética da ENORME Sophia.
Vê-se o seu apurado bom gosto nas opções poéticas sensacionais que faz com delícia e encanto.
Uma verdadeira princezinha de sonho.
Beijinhos amigos de admiração, fascínio e grandiosa estima.
Respeitosamente

pena

12/17/2007 8:46 da manhã  
Blogger GarçaReal said...

Que esta época Natalicia te traga tudo de bom e consigas passá-la na companhia daqueles que mais amas.

Beijinho grande de carinho

12/17/2007 10:32 da manhã  
Blogger aminhapele said...

Ainda bem que gostaste do meu novo "canto".
No POESIA limito-me a publicar poemas e poetas de quem eu gosto.
É uma espécie de colectânia privada.
Um abraço.

12/17/2007 6:40 da tarde  
Blogger SILÊNCIO CULPADO said...

A nossa vida se vê extasiada com toda a sensibildade transbordante destes poemas que tornam este espaço especial e distintivo.
Bom Natal

12/17/2007 9:23 da tarde  
Blogger Alice Matos said...

Se passares pelo meu canto, colhe a flor que lá deixei e guarda-a onde melhor te aprouver...

Um beijo...

12/17/2007 10:30 da tarde  
Blogger MIMO-TE said...

Vim deixar miminhos e desejar um Feliz Natal para ti! :)

12/17/2007 10:46 da tarde  
Blogger O Profeta said...

Convido-te a sentir a magia da minha Errante Nota

Oceano de mil contradições
Amar é uma batalha da emoção
Roubada ao sortilégio do vento
No gesto mágico de uma mão

Boa semana

Doce beijo

12/18/2007 4:17 da tarde  
Blogger Pepe Luigi said...

Passei para desejar um Feliz Natal e um Bom Ano de 2008.

12/18/2007 7:39 da tarde  
Blogger Menina do Rio said...

Pra ti querida amiga,

Amigos.com

Fala-se muito em virtual ultimamente
Mas o que é essa tal virtualidade
Será que é o não ver pessoalmente
Não será o virtual, realidade?

Há ternura, encanto e alegria
Nos versos que nos chegam pelo ecrã
Tantos alegram meus dias
Enchem de luz minhas manhãs

Uns acalentam minha alma
Dizendo: não fique triste
São palavras que me acalmam
Quando meus dias são tristes

Amigos.com são tão reais
Eu os sinto, como a vida a pulsar
São flôres, companheiros leais
que enfeitam esse meu caminhar

Ps: Tudo de bom que vc me fizer, faz minha vida ficar mais bela
Pra ti, um carinho sincero e meus votos de BOAS FESTAS!

Beijo na alma

12/18/2007 8:13 da tarde  
Anonymous cebloch said...

Vim te visitar aqui...e te convidar para ir no meu novo blog...http://cebloch.blogspot.com.

beijocas

celia

12/18/2007 10:05 da tarde  
Blogger Mário Margaride said...

Querida amiga,

Passei por aqui, para desejar-te uma noite muito descansada.
E dar-te um beijo de ternura e amizade

12/19/2007 12:44 da manhã  
Blogger Um Momento said...

Passo para te desejar as boas vindas( embora que atrasada) e deixar votos de tudo muito bom
Beijo enorme e...até já

(*)

12/19/2007 1:08 da manhã  
Blogger kakauzinha said...

Obrigada pela visita e votos de noite serena.

Beijinhos azuis****

12/19/2007 1:12 da manhã  
Blogger Arcanjo said...

Adoro Sophia...

Beijocas Doces***

12/19/2007 12:59 da tarde  
Blogger FERNANDA & SONETOS said...

Olá amiga passei para deixar-te um beijo de carinho e amizade.
Fernandinha.

12/19/2007 7:47 da tarde  
Blogger Carminda Pinho said...

Passo para saber novas de ti e, não há.:(
Deixo-te votos de Boas Festas, amiga e, beijinhos.:)

12/20/2007 1:30 da manhã  
Blogger kakauzinha said...

Um beijinho grande e os melhores desejos de Boas Festas com muita alegria!

(*)

12/20/2007 1:39 da manhã  
Blogger maresia_mar said...

Olá

DEIXA DEUS ENTRAR NO TEU CORAÇÃO E ASSIM CELEBRARÁS O NATAL
COM MAIS EMOÇÃO - esta é a minha mensagem de Natal para todos os meus amigos!
Bjhs e até ao ano

12/20/2007 9:36 da manhã  
Blogger LuzdeLua said...

Passando para te desejar um Feliz Natal. Deixar-te um beijo amigo e bons desejos para 2008.
Bjs

12/20/2007 10:45 da manhã  
Blogger irneh said...

Olá

Passei para te desejar um BOm Natal e Feliz Ano Novo.

Beijinhos

12/20/2007 12:35 da tarde  
Blogger Rui Caetano said...

UMa imagem sugestiva.
Um BOm Natal. A alegria precisa de nós mesmos, da nossa vontade e nossos sonhos.

12/20/2007 5:33 da tarde  
Blogger Poeta da Lua said...

passei para deixar-te um abraço e um sorriso!

que bom saber que se lembrou de mim... estou ainda por aqui e ali... mas ainda sem a cor do amor...
um abraço e um sorriso!

12/20/2007 9:14 da tarde  
Blogger margusta said...

Querida Amiga Clarinda,

Venho desejar-te um Natal muito Feliz, cheio de Paz, Saúde e Amor. Que o Ano de 2008 , seja um ano melhor para todos nós e para o Mundo!

Abraço Amigo!!!


Árvore de Natal


Quisera Senhor, neste Natal, armar uma árvore
dentro do meu coração e nela pendurar em vez de
presentes, os nomes de todos os meus amigos.
Os amigos de longe e de perto. Os antigos e
os mais recentes. Os que vejo a cada dia e os
que raramente encontro. Os sempre lembrados
e os que às vezes ficam esquecidos.

Os constantes e os intermitentes. Os
das horas difíceis e nos das horas alegres,
os que sem querer, eu magoei, ou,
sem querer me magoaram. Aqueles a quem
conheço profundamente e aqueles de quem não me
são conhecidos , a não ser as aparências. Os que
pouco me devem e aqueles a quem muito devo. Meus
amigos humildes a meus amigos importantes. Os nomes
de todos os que já passaram pela minha vida.

Uma árvore
de muitas raízes muito profundas para que seus nomes nunca
mais sejam arrancados do meu coração. De ramos muito extensos,
para que novos nomes vindos de todas as partes, venham
juntar-se aos existentes. De sombras muito agradáveis
para que nossa amizade, seja um aumento de repouso nas lutas
da vida.
Que o natal esteja vivo dentro de nós em cada dia do ano
que se inicia, para que possamos viver sempre o amor
e a fraternidade.

Copiei daqui http://natal.com.pt/mensagens-poemas-de-natal , mas sinto cada uma destas palavras, como se fossem minhas...

12/21/2007 7:00 da manhã  
Blogger Isabel-F. said...

Não há limites para o homem que possui a capacidade de sonhar. É necessário muito pouco para provocar um sorriso e basta um sorriso para que tudo se torne possível.
Descobrimos que o Ano que termina vale a pena, quando começamos a enviar e receber os cartões de Natal. Afinal, de algum modo, aprendemos que o que realmente importa são os sentimentos, é o amor... É estarmos ligados, unidos. É isto que comemoramos: O nascimento da esperança de um mundo melhor. Muita paz, alegria e amor na tua vida e de todos que te são queridos. Feliz Natal! Feliz 2008.
Beijinhos
Isabel Filipe

12/21/2007 8:14 da manhã  
Blogger Poeta da Lua said...

fico feliz que tenha se lembrado de mim e me visitou...

feliz natal!

um abraço e um sorriso!
até...

12/24/2007 12:46 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home