quarta-feira, setembro 20, 2006


Há sentimentos que apesar de sabermos que existem, que são naturais, que no mundo é assim... batem forte quando nos atingem.

Acordei às 7h da manhã com um telefonema, comunicando a partida de uma pessoa querida, que já tinha cumprido a sua missão por aqui (90 e pouco anos…).
Passada uma hora recebo um outro telefonema do Japão, em que o pai numa alegria imensa , me comunicava o nascimento do seu 4º filhinho!

Sentimentos antagónicos, que ainda não me tinham sido dado a sentir:
A Morte e o Nascimento, ao mesmo tempo…
Fiquei, estou ainda em confusão, estranho quando apesar de tudo pensamos já tudo ter sentido…

6 Comments:

Blogger maria joao martins said...

Beijinho, Maria Clarinda. Às vezes, sinto que já a conheço.

9/20/2006 6:51 da tarde  
Anonymous Márcia(clarinha) said...

Minha flor
a vida é feita dessa arte...encontros e desencontros, vida e morte, choro e riso...
Ainda estou em micro férias, passando pra te ver e deixar
beijosssssssssss

9/21/2006 3:16 da tarde  
Blogger Um outro olhar said...

a vida é tão estranha
por um lado a Morte, por outro a Vida; tristeza e alegria
e nós no meio

nunca sentimos tudo
...

beijinho

:)

9/22/2006 7:43 da tarde  
Blogger Tongzhi said...

É a lei da vida. Uns nascem e outros partem!
Beijos

9/25/2006 9:20 da tarde  
Blogger vida de vidro said...

A vida é esse ciclo que nos confunde, talvez porque não a conseguimos aceitar. Para a morte nunca estamos preparados. O nascimento parece-nos sempre um milagre.
Um beijo, Clarinda.

9/27/2006 6:05 da tarde  
Blogger OrCa said...

Por falar em reflexos no espelho, dá para imaginar uma metáfora (ou uma alegoria) com estas componentes: a vida e a morte. De alguma forma, uma é a imagem simétrica da outra, ambas intimamente dependentes entre si, porque não existe uma sem a outra.

De resto, que dizer? Vive-se e morre-se. Soubeste de um ciclo que se cumpriu e outro que se inicia. Na face, cresce-nos um sorriso triste mas, ainda assim, um sorriso...

Beijos.

9/27/2006 8:06 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home